.MoonLight - A luz da Lua*
A Luz que permanece na noite escura ou no mais claro dia... A Lua tal como o Sol, está sempre presente em mim.
.mais sobre mim
.emails*
moonlight@sapo.pt atmoonlight@msn.com
.Luzes*

. 2007

. Transformar pelas mãos do...

. Mar...

. Palavras!

. Once upon a time...

. Touch...

. Delirium!...

.Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Sexta-feira, 4 de Agosto de 2006
Dia dos Namorados - Sugestão!

 

Quem diz que só temos de "seguir" as nossas tradições???

Vivendo num país cada vez mais multicultural, porque não celebrar com os Chineses, o dia dos namorados?

Eles celebram em duas datas este ano... Mas uma já passou. Ainda resta uma. Aqui fica a lenda...

 

Dia dos Namorados Chinês ou Qi Xi
 
O nome tradicional do Dia dos Namorados chinês é a Sétima Noite (Qi Xi), que corresponde à sétima noite do sétimo mês lunar, este ano a 31 de Julho. Mas este ano há uma situação particularmente especial, há uma situação astrológica que conduz a que também em Agosto exista um sétimo mês lunar, pelo que há dois Dias dos Namorados na China, este ano, um a 31 de Julho e outro a 30 de Agosto.
Existem diversos poemas e pinturas relacionados com esta lendaA lenda por trás desta celebração é de Niu Lang e Zhi Nu, que se encontraram na Ponte das Andorinhas (鹊桥), sobre a Via Láctea. Assim, nesta data, as crianças são lembradas pelos mais velhos que não vão ver Andorinhas nos céus, porque estão todas juntas a formar a Ponte, que junta os dois apaixonados, com as suas asas...
Esta é uma lenda narrada há 2 mil anos e que tem sido alvo de centenas de poemas através dos tempos e há várias óperas sobre a história.

A lenda original

Os protagonistas na lenda são a estrela Vega (Zhi Nu), a Leste da Via Láctea, e a constelação Áquila (Niu Lang), a Oeste da Via Láctea. Niu Lang está, então a aguardar a sua amada, Zhi Nu, do outro lado da Via Láctea.
Zhi Nu era a mais nova das sete filhas da Rainha do Céu, cuja missão, a par das suas manas, era a de bordar as nuvens do céu. Niu Lang era um pastor órfão que fora expulso de casa pelo irmão mais velho e a sua cruel esposa.
Só com uma vaca por companhia, Niu Lang chorava a sua desgraça quando a vaca, que era mágica, lhe contou uma forma de encontrar uma fabulosa mulher que seria a sua companheira para toda a vida.
Comandado pela vaca, Niu Lang foi para junto do rio nessa noite, onde as sete irmãs iam quando se escapavam do palácio para se banharem nas águas frescas. Niu Lang roubou um dos belos vestidos de seda deixados na margem e quando as filhas da Rainha do Céu sairam da água, a mais nova não conseguiu encontrar as suas roupas e ficou presa à terra, enquanto as suas irmãs partiram de regresso ao palácio celestial.
Foi então que Niu Lang surgiu com o vestido e pediu a Zhi Nu para ficar com ele, conforme for a instruído pela vaca mágica.

Passaram-se muitos anos e os dois viveram juntos em grande felicidade, tendo sido pais de dois filhos antes que a Rainha do Céu pudesse descobrir o paradeiro de Zhi Nu.

Mas chegou o dia que ela foi descoberta pela zangada mãe, que a puxou de volta para o céu, o que deixou de rastos Niu Lang. Lembrou-se de que a vaca mágica lhe deixara, para emergências, a sua pele curtida. Pôs sobre ele a pele da vaca e voou atrás da sua mulher e dois filhos, seguindo-a assim até ao céu. Estava quase a apanhar Zhi Nu, quando a Rainha apareceu e usou um pente do seu cabelo para desenhar uma linha entre os dois, essa linha é o Rio de Prata, ou a Via Láctea.Neste dia trocam-se postais onde o tema predominante é a história da lenda
Zhi Nu voltou para a sua missão de compor nuvens, mas com as saudades do seu marido, as suas nuvens pareciam ser tristes e a Rainha teve pena da filha, permitindo aos dois amantes que se encontrassem uma vez por ano no Rio de Prata. Este ano podem encontrar-se duas vezes...

O que se diz...

Uma das cerimónias tradicionais para celebrar este dia não inclui a troca de prendas e chocolates entre os namorados, as raparigas preparam frutas e incenso como ofertas a Zhi Nu na esperança de que ela as ajude a encontrar bons maridos. De noite, as pessoas sentam-se na ombreira da porta a observar as estrelas e diz-se que se se estiver debaixo de uma vinha pode-se ouvir aquilo que Zhi Nu e Niu Lang dizem um ao outro neste encontro anual.
Sejam felizes!
História recedida daqui.
Uma Luz de MoonLight às 00:24
link do post | Deixa a tua Luz* | favorito
10 comentários:
De greentea a 4 de Agosto de 2006 às 09:48
não consegui ler a história pelas cor das letras em fundo preto...
mas 4 de Agosto é uma data a recordar para mim, sem saber se era ou não dia dos namorados - que coincidencia...
De arcana a 4 de Agosto de 2006 às 12:49
Oi, graças pela visita és bem-vinda cunhado desses minha português não é muito bom mas faço a tentativa .. Para meu o dia dos apaixonados, o das mães é todos os dias ...mas interessante que não o celebrem igual que nós.. Vou-te a escrever com acalma para que me contes como fazes o avtar eu quierouno para meu blog para que a gente me linke e saia o ícone .. bom podes Claro espero que se entenda jejejeee e uma vês mas Belo Blog .. beijos Namastè
De Suzy a 4 de Agosto de 2006 às 14:33
Hummmm mais um dia para comemorar, que bom... :)
Deixo-te um beijinho com os votos de um fim de semana muito feliz.
De Mike... a 4 de Agosto de 2006 às 14:57
São sempre bem vindas sugestões destas!
E se fôr para namorar...melhor!
Beijos e bom fim de semana.
De Anónimo a 4 de Agosto de 2006 às 15:56
As coisas que aprendo contigo minha Amiga, até retive o texto, vai dar jeito...

Doce beijo
De Frog a 4 de Agosto de 2006 às 16:43
Não sabia... todos os dias se aprende algo!

Um beijo e bom fim de semana
De isa&luis a 4 de Agosto de 2006 às 20:15
Olá menina linda cheia de luz,

gostei de ler, todos os dias aprendemos algo novo.

Muitos beijinhos para ti

Isa
De Nylda a 5 de Agosto de 2006 às 09:54
Olá linda moon...
"Eu Desejo...
Que a felicidade não dependa do tempo, nem da
paisagem, nem da sorte, nem do dinheiro.
Que ela possa vir com toda a simplicidade,
de dentro para fora, de cada um para todos.
Que as pessoas saibam falar, calar, e acima de tudo ouvir.
Que tenham amor ou então sintam falta de não tê-lo.
Que tenham ideal e medo de perdê-lo.
Que amem ao próximo e respeitem sua dor,
para que tenhamos certeza de que viver vale a pena."
Bom fim de semana.
Beijos e um sorriso.
De O Invisivel Romantico a 5 de Agosto de 2006 às 11:07
k saudades que eu já tenho de falar contigo minha querida!um grande beijinho para a minhas duas princesinhas!
De apereira a 14 de Agosto de 2006 às 23:19
As histórias orientais são sempre muito bonitas.
A simbologia inerente é de uma dramaticidade deliciosa. Sou fã da cultura japonesa... do culto do chá... dos cheiros e das vertiginosas melodias líricas seduzidas por pianos, ehru ou mesmo um violoncelo.
deixo-te uma sugestão para ler: O Tumulto das Ondas, do Yukio Mishima (japonês) ou/e Chá e Amor de Yasunari Kawabata ...
Dia dos namorados suck ... (é a minha vertente...com "bicos" na cabeça, [(6) ahahah )... restaurantes cheios... flores que nunca mais acaba, as pessoas só se lembram de presentear alguém, nesse dia... comercialmente tornou-se num impacto negativo, há quem já lhe chame VD venereal desease ), I couldn't agree more...
Viva, os dias de chuva, as noites de luar, os beijos no pescoço, os cheiros a, areia molhada, a madeira antiga, a livro amarelado, a lápis afiado, mar, estevas, jasmim, bergamota e alecrim...o amor e estar por aí... ;-)

Comentar post

.Luzes sentidas*

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

.as minhas fotos
.links